Buscar
  • VINICIUS VITAL

Prefeitura do Rio estoura festa clandestina com 100 pessoas na Zona Oeste - SUPER TOP FM 89.9

NOTÍCIAS DA HORA

Equipes da prefeitura do Rio estouraram uma festa clandestina no começo da madrugada deste domingo, dia 4, em Vargem Pequena, Zona Oeste da cidade. Cerca de 100 pessoas já estavam no local deste a noite de sábado, mas a expectativa dos organizadores, que convocaram o evento pelas redes sociais, era da presença de 500 pessoas.

O local onde a festa clandestina acontecia era um sítio, que estava abastecido com dezenas caixas de cerveja. No espaço, foi montado um palco improvisado para DJs com luzes para tentar imitar uma pista de dança tradicional de uma boate. Cinco atrações estavam confirmadas para tocar durante o evento.



Funcionários da prefeitura e da Guarda Municipal flagraram uma festa clandestina na Zona Oeste do Rio Foto: Reprodução



O valor do ingresso divulgado pelas redes era de R$20. O flyer de promoção, entretanto, não dizia o local da festa, destacando ser um "Local secreto", uma das táticas usadas para tentar despistar as autoridades.

Desde o Decreto Municipal que passou a vigorar no dia 5 de março, as festas públicas estão proibidas para inibir contaminação por Covid-19 na capital. Estão vedados eventos, festas e atividades transitórias em áreas públicas e particulares, incluindo-se as rodas de samba; de boates, casas de espetáculo e congêneres. Também está proibido aglomerações e a permanência de pessoas nas ruas entre 23h e 5h.


Flyer que foi distribuído pela promotora da festa pelas redes sociais Foto: Reprodução




Convite para o evento foi feito pelas redes sociais Foto: Reprodução



Agentes impedem evento clandestino em bar na Zona Norte

Além da interdição da festa em Vargem Grande, no começo da madrugada, os agentes já haviam impedido na tarde de sábado, a realização de um evento clandestino com música ao vivo em um bar na rua dos Diamantes, em Rocha Miranda, Zona Norte. As equipes de fiscalização flagraram a montagem da estrutura para receber o evento, que foi divulgado através das redes sociais. Havia cerca de 50 pessoas no estabelecimento. O bar foi multado e teve produtos apreendidos.

No nono dia de vigor das medidas de restrição mais duras para enfrentamento ao combate da Covid-19, os fiscais da Prefeitura registraram 748 autuações, com 21 estabelecimentos fechados e 95 multas a ambulantes, restaurantes e bares. Os comboios de fiscalização contaram com agentes da Secretaria municipal de Ordem Pública (Seop), Guarda Municipal, Vigilância Sanitária e apoio da Polícia Militar e também atuaram em outros pontos da cidade, como o Centro, Taquara, Tanque, Freguesia, Pechincha, Vila Valqueire, Praça Seca, Lapa, Campinho, Madureira, Barra da Tijuca, Recreio dos Bandeirantes e Campo Grande, entre outros.

Desde o dia 26 de março, quando as novas regras entraram em vigor, a fiscalização já registrou 9.196 autuações. No mesmo período, foram aplicadas 608 multas a bares, restaurantes e ambulantes, além da interdição de 121 estabelecimentos que descumpriram as determinações.

3 visualizações0 comentário