Buscar
  • VINICIUS VITAL

Último dia para regularizar título é marcado por longas filas em zonas eleitorais do Rio - SUPER TOP

A partir desta quinta o TRE vai analisar todos os pedidos e, caso necessário, entrar em contato com o requerente

Fila na 16ª Zona Eleitoral para regularização do título de eleitor Reginaldo Pimenta/Agência O Dia

Rio - Termina nesta quarta-feira (4) o prazo de regularização do título de eleitor e para que brasileiros com 16 anos ou mais peçam a primeira via do documento a tempo de votar nas próximas eleições, no dia 2 de outubro. Para os cariocas, o dia foi marcado por muitas filas em zonas eleitorais e lentidão nos sistemas.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) pede para que os eleitores priorizem a regularização por meio do site Título Net e que se dirijam aos cartórios somente em casos de extrema importância. Na 16ª Zona Eleitoral, na Rua Conde de Baependi, no Flamengo, a fila para pedir a primeira via ou regularizar o título contava com mais de 100 pessoas aguardando atendimento.

Márcia Neves esteve presente no local para regularizar o documento e fazer a transferência de domicílio eleitoral. Ela contou que tentou o procedimento por meio do site e, como a página permaneceu processando sua solicitação, disse acreditar que as alterações não tivessem sido realizadas. "Eu fui regularizar meu título e entrei pelo site, mas tentei e não consegui. Ficou processando para mim, como se eu não tivesse conseguido. Acabou que eu enrolei muito para ir, deixei para último dia. Agora eu preciso só imprimir o meu título". Ela também relatou que a fila na Zona Eleitoral estava bem grande e chegou a se assustar com a quantidade de pessoas aguardando atendimento. "Eu cheguei hoje e tava uma fila enorme. Eu era uma das últimas da fila, devia ter no mínimo umas 300 pessoas na minha frente. O rapaz que trabalha lá [na Zona] pegou meu título, porque eu tinha que pagar a multa na última eleição, que não votei. Então, eu queria regularizar e transferir meu título, e ele falou que eu já tinha conseguido pelo site e que não constava nenhuma pendência para mim. Eu fiquei super feliz, porque não precisei ficar na fila". O adolescente Uirá Szpilman, de 15 anos, foi pedir sua primeira via do documento após tentar obtê-lo diversas vezes pela internet e não conseguir. Segundo ele, o atendimento presencial demorou 1h30 para acontecer. "Eu resolvi tirar o título por achar importante votar. Vim no último dia porque eu tive problemas fazendo o processo online, principalmente porque achei o site complicado e não entendi como fazia. Achei que era para fazer pelo e-titulo, pois todos os lugares que eu pesquisava indicavam que era pra fazer por lá", afirmou. Raimundo Alan teve seu título cancelado por não votar nas últimas eleições e precisou pagar uma multa de R$ 21 para reativar o documento. "Ele [o título] tá cancelado porque eu não efetuei as últimas eleições, eu não votei, aí fiquei sem votar. Então eles devem ter cancelado o meu título para regularizar. Tá muito complicado não [para fazer a regularização], tô achando fácil, só a fila enorme que tá tendo mas eu deveria ter chegado mais cedo", relatou. Ele contou que deixou para o último dia pois o seu emprego não permitiu que ele se encaminhasse à Zona Eleitoral antes. "Só por falta de tempo mesmo, devido ao meu trabalho. Hoje foi o único dia que eu consegui ter folga e arrumar o tempo para tentar. Tentei pelo site, mas a indicação foi para vir aqui". O TRE informou que o prazo dos requerimentos de alterações no título termina hoje, mas o Tribunal tem até o dia 1º de junho para analisar todos os pedidos e, caso necessário, pedir a apresentação de novos documentos aos requerentes. Em caso de pendências no pedido de alteração, a Justiça Eleitoral vai entrar em contato com o eleitor por meio do e-mail ou telefone para sanar a irregularidade. Os atendimentos estão sendo realizados até às 19h desta quarta nos cartórios e até às 23h59 no site Título Net. Caso o pedido seja aceito, o requerente deve acompanhar pelo próprio site progresso.


fonte O DIA

10 visualizações0 comentário